Ação e reação

Ser um universitário. Há poucas coisas nessa vida que nos cobram tanto. São cobranças de maturidade, de ter um futuro, projetos, e até a necessidade de expor quem é você. De repente surgem inúmeras responsabilidades e, algumas pessoas se perdem, esquecem o que são e no que acreditam. Ser um universitário é tentador. Diria que a faculdade é um dos lugares que se tem acesso a melhor fase da sua vida, ou a pior. Você vai encontrar pessoas que vão mudar a sua vida. Resta a escolha de ser uma mudança boa ou ruim.
 

Quando eu entrei na faculdade acreditava que nada ia mudar. Era a mesma coisa que um colégio, a diferença seria que eu poderia sair da sala a hora que eu quisesse. Mas não, não era a mesma coisa. Dentro de um ambiente acadêmico você conhece pessoas muito distintas de você. Pessoas que não estão lá com o objetivo de estudar, mas sim de curtir mais uma noite, seja no bar, fumando ou ficando com alguém que nunca viu.
 

Mas o conflito não é apenas entre os colegas de classe e os bares. A dificuldade também aparece quando as teorias, os filósofos e questões que se relacionam com Deus surgem. É difícil conciliar tudo o que você acreditou e ouviu durante toda sua vida, dentro de uma igreja. Manter suas convicções enquanto seu espírito é bombardeado a todo tempo não é uma tarefa simples. Mas não diria impossível.
 

Demorei para descobrir quem era cristão na minha sala. E acho que isso acontece em todas as universidades. Parece que as pessoas tem medo de falar no que acreditam. E não há como dizer que não existe o preconceito. “Ih, esse é crente. Dá dinheiro pra igreja” “É crente? Ah, nunca pegou ninguém então”. Nós, cristãos, temos valores completamente diferentes das pessoas que vivem no mundo, e isso faz com que elas pensem que somos loucos e até alienados. Mas deixando bem claro: Não, nós não somos.
 

Na verdade somos fortes, e se não somos precisamos ser. Dizer não toda noite que alguém te convida para matar uma aula chata e ir dar boas risadas no bar é ter uma provação de fé todos os dias. Temos que ser aquilo que é tão simples dentro de um templo. Ser cristão é isso: não mudar de acordo com o lugar onde você está. Deu pra perceber que até agora não disse que essas coisas são simples, né?
 

Temos que ser um testemunho ambulante e fazer as pessoas pensarem “Nossa, ele é tão diferente”. Ação que gera reação. A partir do momento que você se comporta como um abençoado, as pessoas vão ter curiosidade do porque você escolhe ser assim. Com a curiosidade aguçada fica fácil falar de Deus. Mas repito, é importante ser um cristão através das ações. Já tive oportunidade de descobrir que um colega de classe era cristão e me perguntei: Mas como? Ele faz tudo o que as pessoas do mundo fazem!
 

Precisamos entender que escolher matar a carne é uma decisão BOA. Não é melhor beber uma cerveja, não é melhor usar drogas. Não deve existir vergonha e você não deve mudar para se encaixar nos padrões do mundo.
 

Eu tenho a oportunidade de ministrar em um culto que acontece na capela da minha universidade e lá eu vivo experiências maravilhosas com Deus. Ver pessoas reunidas para adorar a Deus, negando todo dia os manjares do mundo é uma injeção de ânimo, e muda a minha semana. Mas melhor ainda é poder ver vidas se rendendo ao amor de Cristo. Isso justifica cada “não”, cada dia questionando se tudo isso vale a pena. Se você estiver firme em Deus e na Sua palavra, todo dia vai ser mais um dia que valeu a pena.
 

Estar com Deus não pelo o que Ele pode dar, mas pelo o que Ele é a única coisa que vale nessa vida. Lembre-se todos os dias da cruz, que devia ter sido carregada por você. Pense nisso, sua ação pode gerar a reação de salvação, de cura, de mudança. Seja a mudança para esse mundo!

Paz.

Thay Rodrigues é estudante de jornalismo, curte fotografia, música e é apaixonada pelo rei Jesus. Também é colaboradora do ComunidadeAviva.com

Thay no Face

 

| Comunidade Aviva Santo André SP 

Rua Juquiá, 569 Vila Assunção - Fone +55.11.98340.7875 

 

| Comunidade Aviva São Manoel SP

Pastor Valdeci Braz  Fone +55.14.3846 1816 - SP

"... Aviva, ó SENHOR, a tua obra no meio dos anos, no meio dos anos faze-a conhecida; na tua ira lembra-te da misericórdia". Habacuque 3.2

Comunidade Evangélica Apostólica Aviva CTA

1998 - 2019 Ano do Governo de Deus

home-mapa-localizacao.png
instagram.png
marca.png
facebook.png
flickr.png
envelope.png
whatsapp.png